Glossário de termos

Click one of the letters above to advance the page to terms beginning with that letter.

A

Acabamento

Produto que é aplicado como última demão e confere à superfície propriedades físicas e de aspecto como brilho, cor etc.

Acabamento forjado
Aspecto de ferro forjado. Nos nossos produtos, Oxirite forjado e Oxirite xtrem forjado.
Acabamento martelado
Conclusão da pintura com um aspecto em relevo. Nos nossos produtos, Oxirite martelé.
Acetinado
Grau de brilho intermédio entre o mate e o brilhante.
AEP
Associação Espanhola de Pediatria. Nossa pintura Xylazel Air Sano tinta certa para ambientes infantis colabora com AEP na realização dos seus objetivos, destacando especialmente garantindo que se refere à saúde de crianças e adolescentes, em seus aspectos físicos, psicológicos e sociais.
Airless
Sistema de aplicação à pistola desprovido de propulsão a ar.
AITIM
Associação de investigação técnica das indústrias da madeira. Os nossos produtos xylazel total IF-t e Impralit KDS têm certificado de qualidade AITIM.
Alburno
Parte da madeira localizada entre o cerne e o câmbio. É a parte mais clara da cor e geralmente mais sensível ao ataque de insectos e fungos.
ANEPROMA
Associação Nacional de Empresas de Protecção da Madeira.
Autoclave
Instalação Industrial para impregnar a madeira em profundidade por sistemas de vácuo-vácuo, Bethell e outros. São utilizados sais solúveis e protectores em solvente orgânico. Nos nossos produtos, Xylazel Total IF-T e Impralit KDS.
Aço galvanizado
Aço revestido por uma fina camada de zinco para evitar a corrosão.

B

Bi-componente
Produtos que são fornecidos em duas embalagens diferentes e que devem ser misturados antes do uso. A secagem ocorre por reacção química entre um, a base e o segundo, também chamado de catalisador. Nos nossos produtos Xylazel soluções barreira anti-humidade.
Bi-componente
Produtos que são fornecidos em duas embalagens diferentes e que devem ser misturados antes do uso. A secagem ocorre por reacção química entre um, a base e o segundo, também chamado de catalisador. Nos nossos produtos Xylazel soluções barreira anti-humidade.
Biocidas
Substâncias activas, preparações (que contém uma ou mais substâncias activas) ou micro-organismos cujo objectivo é destruir, contrariar, neutralizar, impedir a acção ou exercer um controlo de outro tipo sobre qualquer organismo prejudicial através de meios químicos ou biológicos. Os biocidas estão divididos em 23 tipos de produtos. Os protectores da madeira pertencem ao grupo TP8. Nos nossos produtos, Xylazel tratamentos.
Biocidas
Substâncias activas, preparações (que contém uma ou mais substâncias activas) ou micro-organismos cujo objectivo é destruir, contrariar, neutralizar, impedir a acção ou exercer um controlo de outro tipo sobre qualquer organismo prejudicial através de meios químicos ou biológicos. Os biocidas estão divididos em 23 tipos de produtos. Os protectores da madeira pertencem ao grupo TP8. Nos nossos produtos, Xylazel tratamentos.
Biodegradável
Que pode ser degradado por acção biológica.
Bolores
Fungos que crescem em superfícies húmidas ou ricas em matéria orgânica. Geralmente são identificados ou confundidos com manchas.
Bálsamo
Substância líquida e quase transparente, com ceras naturais que reaviva a cor da madeira, ao mesmo tempo que nutre, protege e enriquece. Nos nossos produtos Xylazel bálsamo de restauração.

C

Caruncho
Insectos xilófagos cujas larvas se alimentam de madeira. Ver Xylazel caruncho.
Caruncho grande
Tipo de caruncho que pertence ao grupo dos Cerambicídeos. Entre estes podemos destacar o Hylotrupes bajulus e o Hesperophanes cinereus.
Caruncho pequeno
Caruncho pertencente ao grupo dos Anóbidos e Lyctidae principalmente. Entre outros o Anobium punctatum e o Xestobium rufovillosus.
Cerne
Parte da madeira localizada entre a medula e o alburno. Esta área é geralmente de cor mais escura que o alburno e por sua vez mais resistente ao ataque de insectos e fungos xilófagos.
Classes de uso / classes de uso ou de risco
A UNE-EN 351-1 define o conceito de classe de uso como a probabilidade de que um elemento estrutural sofra ataques de agentes bióticos, e depende principalmente do grau de humidade que alcance durante a sua vida útil. São definidas as seguintes classes de uso.Classe de uso 1: O elemento estrutural está coberto, protegido das intempéries e não exposto à humidade. Nestas condições, a madeira maciça tem um teor de humidade inferior a 20%.  Exemplos: vigas ou pilares no interior dos edifícios;Classe de uso 2: O elemento estrutural está coberto e protegido das intempéries, mas, devido às condições ambientais, pode acontecer, ocasionalmente, um teor de humidade da madeira superior a 20% em todo ou em parte do elemento estrutural. Exemplos: estrutura de uma piscina interior, que mantém uma elevada humidade ambiente com condensação ocasional e elementos estruturais junto a linhas de água;Classe de uso 3: O elemento estrutural está descoberto, não está em contacto com o solo. O teor de humidade da madeira pode exceder 20%. É dividido em duas classes;Classe de uso 3.1. O elemento estrutural encontra-se no exterior, acima do nível do solo e protegido, ou seja sujeito a medidas de projecto e de construção destinadas a evitar uma exposição excessiva aos efeitos directos do clima, meteorologia ou fontes de humidade. Nestas condições, a humidade da madeira pode superar ocasionalmente o teor de humidade de 20%.  Exemplos: vigas que ficam no exterior, mas que, na sua zona superior e em partes estão protegidas por uma cobertura.Classe de uso 3.2. O elemento estrutural encontra-se no exterior, acima do solo, e desprotegido. Nestas condições a humidade da madeira muitas vezes ultrapassa o teor de humidade de 20%. Exemplos: qualquer elemento cuja face superior ou parte seja submetido à acção directa da água da chuva, pilar que sem estar encostado no chão está a uma distância reduzida deste e está sujeito a salpicos de chuva ou acumulação de neve, etc.) Classe de uso 4: O elemento estrutural está em contacto com o solo ou com água doce e exposto, portanto, a uma humidificação que excede permanentemente o teor de humidade de 20%.  Exemplos: construções em água doce e pilares em contacto directo com o solo; eClasse de uso 5: Situação em que o elemento estrutural está permanentemente em contacto com água salgada. Nestas circunstâncias, o teor de humidade da madeira é superior a 20%, permanentemente. Exemplo: construções em água salgada.
Comején
Nome que é dado em alguns países da América Central e do Sul às térmitas e outros insectos xilófagos.
Concentrado
Substância à qual foi retirada parte do líquido para diminuir o seu volume.
Corrosão
Destruição do metal pela acção de agentes externos, principalmente favorecido pela humidade, o salitre e a poluição.
COV's
Componentes orgânicos voláteis de tintas e vernizes.
Código Técnico da Edificação
O Código Técnico da Edificação (CTE) é o quadro normativo que define as exigências que devem ser cumpridas pelos edifícios em relação aos requisitos básicos de segurança e habitabilidade estabelecidos na Lei 38/1999, de 5 de Novembro, de Ordenamento da Edificação (LOE).

D

Decapante /Solvente
Produto que aplicado sobre uma superfície pintada ou envernizada, dissolve o revestimento para que possa ser facilmente removido. Nos nossos produtos, Xylazel decapante.
Decking
Solo ou pavimento de madeira. Nos nossos produtos, Xylazel Decking e Decking anti-derrapante.
Densidade
Relação que existe entre o peso e o volume de um elemento.
Desencerador
Produto muito líquido para remover ceras. É usado, sobretudo, na limpeza de mobiliário antigo. Nos nossos produtos Xylazel desencerador.
Dose de aplicação
Quantidade de produto que deve ser utilizada por unidade de superfície para obter o melhor resultado. Ex. 200 mL/m2
Durabilidade natural da madeira
UNE-EN 350 A durabilidade natural de uma madeira é definida como a sua resistência intrínseca, ou seja, sem ter recebido qualquer tratamento para resistir ao ataque de um agente xilófago. Esta propriedade varia de uma espécie para outra, numa mesma espécie (como é o caso da diferente durabilidade que pode apresentar a madeira proveniente de plantações de crescimento rápido e a proveniente de florestas naturais) e, também, de uma parte para outra da mesma madeira (cerne e alburno).

E

Ecolabel
Eco rótulo europeu, avalia os impactos ambientais de um produto ao longo do seu ciclo de vida: consumo de matérias-primas, produção, distribuição, utilização e eliminação. É concedido aos produtos que garantem um elevado nível de protecção ambiental.
Efeito ardósia
Efeito superficial que permite que a superfície pintada possa ser usada como ardósia, tintas muito resistentes à esfrega húmida. Nos nossos produtos. Xylazel Anti-alérgica tinta para ambientes infantis.
Esmalte
Revestimento normalmente utilizado em metal e madeira, à base de água ou solvente com um acabamento geralmente brilhante ou acetinado.
Esmalte anti-oxidante
Esmalte que possui propriedades anti-corrosivas e que se aplica directamente sobre o metal sem necessidade de primário. Nos nossos produtos, gama Oxirite.
Expansão e contração da madeira
Alterações dimensionais na madeira como resultado de mudanças na humidade relativa na mesma. A expansão ocorre quando a humidade aumenta, e a contração, quando esta diminui. Quando a madeira atinge a humidade de equilíbrio higroscópico estas alterações dimensionais são mínimas.

F

Fenda
Greta na madeira.
Ficha de Segurança
Documento que indica as características e propriedades de uma determinada substância para a sua correcta utilização. O objectivo principal é proteger a integridade física do operador durante o transporte, armazenamento e manipulação da substância. Esta folha ou ficha contém as instruções detalhadas para o seu manuseio e visa reduzir os riscos profissionais e ambientais.
Fotodegradação
Degradação da superfície da madeira pela acção da radiação ultravioleta do sol. Também é conhecida como acinzentado, embora, no presente termo, deve ser tido em conta o desgaste pela água da chuva. Em madeiras de interior, produz descoloração e alterações na tonalidade.
Fungos de apodrecimento
Fungos que se alimentam de madeira destruindo a sua estrutura celular. Costumam afectar quando a madeira está exposta de forma permanente em contacto com o solo ou fontes de humidade.
Fungos de mancha azul
Fungos, geralmente ascomicetes, que afectam a madeira com um teor de humidade superior a 30% e que deixam a madeira manchada em tons de azul e preto. Os fungos de mancha azul afectam principalmente as madeiras de coníferas após o corte.

G

Galvanizado
Revestimento de zinco de uma superfície de metal que previne a corrosão. Nos nossos produtos, Xylazel primário para galvanizados.

H

HALS. Filtro UV
Filtros UV que actuam como captadores de radicais livres, inibindo a degradação das tintas e vernizes.
Hidrofugante
Produto que evita a humidade ou as infiltrações. Nos nossos produtos, Xylazel lasur hidrofugante.
Humidade por capilaridade
Humidade que ascende pelos capilares dos materiais.
Humidade por condensação
Humidade que se condensa normalmente sobre uma superfície fria, formando uma ponte térmica. A condensação provoca e contribui para o aparecimento de bolores na madeira e nas superfícies de trabalho, especialmente em locais húmidos e mal ventilados.

I

Impermeabilizante
Produto utilizado para isolar da água e evitar infiltrações.
Impregnabilidade
A impregnabilidade é a capacidade da madeira de introduzir e mover líquidos no seu interior. A impregnabilidade varia de acordo com a espécie e a área de análise, alburno ou cerne, este último não costuma ser impregnável. A impregnabilidade de cada espécie de madeira pode ser consultada na norma UNE EN-350. Existem quatro graus. Impregnáveis, moderadamente impregnáveis, pouco impregnáveis e não impregnáveis.

L

Larva, fase larvar
Fase entre o ovo e o adulto. Nesta fase é quando as larvas do caruncho afectam a madeira. Pode variar entre os 6 meses e os 10 anos, dependendo da espécie.
Lasur
Produto líquido que produz uma película sólida, transparente ou semi--transparente, utilizado para decoração e protecção da madeira contra o clima, e que permite uma fácil manutenção. Estes produtos podem conter biocida(s) para proteger a película, a interface de madeira ou ambos, contra o bolor ou a formação de fungos. Nos nossos produtos, lasures Xylazel.
Lixamento
Acção de lixar uma superfície antes de aplicar um produto ou entre camadas de revestimento.

M

Madeira acinzentada
Madeira deteriorada superficialmente pela acção conjunta do sol e da chuva.
Madeira de folhosas
Madeira proveniente de árvores do grupo das folhosas, angiospermas. Carvalhos, castanheiros, faia, freixo, iroko, teca, elondo, sapelly, cerejeira, nogueira…
Madeiras de coníferas
Madeira proveniente de árvores do grupo das gimnospermas. Pinheiros, abetos, teixo, ciprestes…
Madeiras exóticas ou tropicais
Geralmente madeira proveniente de árvores do grupo das folhosas, que vêm dos países situados entre os trópicos, iroko, teca, elondo, Sapelly, jatobá, ayus, cumarú, ipê, entre outras.
Manchas de humidade
Manchas produzidas, geralmente, pela proliferação de colónias de fungos em superfícies húmidas.
Metalizado
Tipo de acabamento que lembra uma superfície com aspecto metálico.
Multi-aderente
Normalmente, refere-se aos primários que melhoram a aderência dos produtos de acabamento em superfícies difíceis de pintar, como é o caso do alumínio ou aço galvanizado. Nos nossos produtos, Xylazel primário anti-oxidante multi-aderente.

N

Nós
Formações da madeira correspondentes aos ramos que estiveram no tronco da árvore.

O

Orifício de saída
Na madeira, os orifícios que vemos na superfície feitos pelo caruncho ao sair.
Oxidação
A oxidação é uma reacção química onde um metal ou um não-metal transfere electrões e, portanto, aumenta o seu estado de oxidação. A oxidação produzida pelo meio-ambiente é conhecida como corrosão.

P

Patine
Cera colorida ou corante que é aplicado sobre as superfícies de madeira para dar um aspecto antigo.
Penetração
Na impregnação da madeira em autoclave, a profundidade a que chega o produto protector a partir da superfície.
Poliuretano
Tipo de verniz ou tinta geralmente bi-componente, muito dura e resistente à degradação ambiental. É utilizado principalmente no sector industrial nos nossos produtos, Xylazel verniz extra pisos.
Poros da madeira
Marca dos vasos condutores das madeiras de folhosas.
Primário
Tinta ou verniz aplicado como primeira demão antes do acabamento ou das camadas intermédias. Normalmente é usado para proteger a superfície ou melhorar a aderência dos produtos de acabamento.
Produtos à base de solvente
Tintas e vernizes que estão dissolvidos num solvente, os mais conhecidos na bricolage são os vernizes e esmaltes sintéticos.
Produtos à base de água
Tintas e vernizes cujas resinas estão dissolvidas ou emulsionadas em água.
Protector de poros abertos
Produto que não forma camada como os vernizes e que protege a madeira contra as condições atmosféricas. São permeáveis ao vapor de água.
Protectores da madeira
Produtos utilizados para a protecção da madeira, desde a fase de corte, inclusive, ou produtos derivados da madeira, através do controlo dos organismos que destroem ou alteram a madeira. Ver nos nossos produtos Xylazel tratamentos.

R

Rendimento
Superfície a ser pintada por unidade de volume de tinta ou verniz, por exemplo 8 m2/L. cada produto tem um rendimento diferente e este é indicado pelo fabricante nas suas embalagens.
Repelado
O termo é usado em aplicações de massa quando esta é arrastada com a espátula.
Resina
Componente da madeira, geralmente está associado às madeiras de coníferas. A resina pode manchar a superfície e prejudica a aderência de revestimentos. Também é utilizado o termo resina para o aglutinante de tintas e vernizes.
Retenção
Na impregnação da madeira em autoclave, a quantidade de produto que é fixada após o tratamento expressa em peso.

S

SEAIC
Sociedade Espanhola de Alergologia e Imunologia Clínica. A nossa tinta xylazel anti-alérgica é aprovada pela SEAIC.
Selante
Primário que se aplica em meios porosos ou que podem manchar para os isolar do revestimento do acabamento.
SEMPSPH
Sociedade Espanhola de Medicina Preventiva, Saúde Pública e Higiene. A nossa tinta Xylazel anti-alérgica tinta para ambientes de serviços de saúde é aprovada pela SEMPSPH.
Sistema Bethell
Procedimento de aplicação de produtos protectores em autoclave utilizado para as classes de uso 4 e 5. O processo inclui uma fase de vácuo, uma de pressão e uma final de vácuo.
Sistemas de aplicação
Método através do qual é aplicado um produto. Por exemplo, pincel, rolo, pistola de pulverização….
Solvente/diluente
Líquido que se adiciona às tintas e vernizes para diminuir a sua viscosidade. Também é usado para limpar os utensílios de aplicação.

T

Taninos
Substâncias próprias presentes em algumas madeiras que produzem problemas de secagem nos revestimentos de tinta ou verniz e manchas na superfície.
Tapa poros
Vernizes de alto teor de sólidos, rápidos e fáceis de lixar que são usados como primeira demão para selar a madeira antes de aplicar o verniz de acabamento. Geralmente, são à base de poliuretano ou nitrocelulósicos.
Tempo de cura
Tempo que transcorre desde a aplicação de um produto até que este atinja todas as suas propriedades finais. Dureza, brilho, elasticidade…..
Tempo de repintura
Tempo que deve transcorrer entre a aplicação de duas camadas consecutivas sucessivas de tinta ou verniz.
Tempo de secagem
Tempo que transcorre desde a aplicação até o produto deixar de estar pegajoso e não fica marcado se o tocarmos.
Terracota
Argila ou barro cozido.
Tinta
Revestimento pigmentado e opaco para o revestimento de superfícies. As tintas podem ser à base de água e solvente, e trazem à superfície decoração e protecção.
Tinta
Revestimento pigmentado e opaco para o revestimento de superfícies. As tintas podem ser à base de água e solvente, e trazem à superfície decoração e protecção.
Tinta multi-superfícies
Tintas apta, pelas suas boas condições de aderência, para aplicação em todos os tipos de meios.
Tinta resistente ao calor
Tinta resistente a altas temperaturas. Nos nossos produtos, Xylazel metal tinta resistente ao calor.
Traça
Geralmente, insectos que atacam os tecidos, também se aplica a insectos xilófagos da família Lictidae, também conhecida como traça de carvalho. Entre outras Lyctus brunneus e Lyctus linearis.
Térmitas
Insectos isópteros destruidores da madeira e materiais celulósicos.

V

Vac-vac
Processo de aplicação de produtos protectores da madeira em autoclave com o dobro do tempo de vácuo. Antes e após a impregnação.
Veio da madeira
Desenho que pode ser visto na superfície da madeira devido às diferentes cores que formam os anéis de crescimento das árvores. Existem madeiras, como a nogueira, o carvalho ou o castanheiro, onde os veios são muito visíveis e, daí, o seu alto valor decorativo.
Velatura
Produto líquido que produz uma película sólida, transparente ou semi--transparente, utilizado para decoração e protecção da madeira contra o clima, e que permite uma fácil manutenção. Estes produtos podem conter biocida(s) para proteger a película, a interface de madeira ou ambos, contra o bolor ou a formação de fungos. Nos nossos produtos, lasures Xylazel. É um termo coloquial, não coincide com o termo técnico.
Verniz
Revestimento que é geralmente aplicado sobre a madeira e que cria sobre a mesma uma superfície macia e resistente. Nos nossos produtos gama Xylazel verniz.
Verniz Marinho
Verniz que é geralmente utilizado em ambientes costeiros ou sujeitos à abrasão. Nos nossos produtos Xylazel Mar e Montanha.
Viscosidade
Propriedade dos fluidos que caracteriza a sua resistência ao fluxo, devido ao atrito entre as moléculas.

W

White Spirit
Mistura de solventes que são normalmente utilizados para diluir esmaltes e vernizes sintéticos, bem como para limpar os utensílios de aplicação.

Ó

Óleo para teca
Mistura de óleos e resinas naturais, especialmente escolhidos para nutrir e enriquecer a madeira. Indicado para a manutenção de madeiras exóticas e tropicais, como teca ou iroko. Nos nossos produtos, Gama Xylazel óleos para teca.
Óxidos de ferro
Pigmentos que são usados no fabrico de lasures e que oferecem protecção contra a fotodegradação.